Como Fazer Para…

Através deste tópico é possível conhecer meios de se realizar ações específicas com determinadas configurações de cadastros do sistema.

Processo para geração da FCI da Aba Painel FCI

1- Clique no botão Adicionar para gerar o número de referência, que será visualizado no campo Número FCI, clique em salvar e a seguinte mensagem será exibida “Referência da FCI criada com sucesso”. Clique no ícone  Processar Ficha (ALT + P), será exibida a seguinte mensagem “Esse processo poderá levar vários minutos. Deseja prosseguir?”, clicando em Sim a FCI será processada, importando produtos que estão com porcentagem de importação maior que a cadastrada na manutenção Parâmetros. Tais dados serão informados no quadro Produtos da aba Painel FCI. Clicando em Não o processo será abortado.

2- Selecione um produto e na aba Estrutura de Produto poderá visualizar o cálculo da FCI, ou mesmo clicando na seta azul  ao lado do código do produto. Nesta mesma aba, no rodapé, será informada a soma do valor de custo de todos os produtos com conteúdo de importação.

 No quadro Produtos da aba Painel FCI, são indicados produtos com conteúdo de importação, que são atribuídos quando cadastrados na manutenção de Produtos.

3- Ao processar a ficha, o usuário poderá Gerar Arquivo de Envio, através de uma janela aberta para seleção de um local de armazenamento do arquivo que será enviado para produção.

 Recomenda-se criar duas pastas: uma para os arquivos gerados (que ainda não foram validados) e outra para os arquivos já enviados.

4- O nome do arquivo gerado seguirá o seguinte padrão:

CNPJ da empresa + Data de Geração + Hora da Geração, por exemplo:

Processo de Retorno da FCI da Aba Painel FCI

1- Baixe o arquivo de retorno de FCI acessando o site https://portal.fazenda.sp.gov.br/servicos/fci/;

2- No menu lateral clique em acesso sistema FCI;

3- Uma nova janela será aberta;

4- Clique em acesso via certificado digital;

5- Informe o certificado da empresa;

6- Uma nova tela será aberta;

7- Clique em consulta e selecione a opção códigos de FCI;

8- Na consulta informe o protocolo de transmissão;

9- Se não tiver o protocolo utilize os outros filtros (o sistema permite utilizar apenas um filtro por consulta, não informe mais de um filtro);

10- Uma nova tela será aberta com os dados da FCI;

11- Clique em download arquivo de retorno;

12- Informe a pasta de destino (pasta que o usuário criou para salvar os arquivos de retorno e que o Dataplace irá buscar posteriormente) e salve o arquivo;

13- Após salvar, abra o Dataplace;

14- Acesse Arquivo> FCI;

15- Clique em Processar Arquivo de Retorno (Neste momento, o sistema irá buscar o arquivo salvo anteriormente, na pasta criada pelo usuário e informado o caminho na manutenção Parâmetros-FCI);

16- Aguarde o processamento e feche a janela;

17- O arquivo foi processado, no cadastro dos itens de FCI enviados, eles estarão com a situação atualizado;

18- As notas de saída que possuem os itens terão as informações referentes a FCI nos dados adicionais dos itens da nota;

19- Fim do processo.

 No termino do processamento do arquivo de retorno, o sistema avisa o usuário, caso exista, produtos com menos de 40% de importação e pergunta se deseja retornar a alíquota vigente nos estados cadastrados nos parâmetros de venda o produto em questão.

Nota Técnica 2013.006 | Operação Interestadual com Bens e Mercadorias Importados do Exterior  (FCI- Ficha de Conteúdo de Importação)

Emitindo uma FCI

1 – Abra o dbaTools e execute os seguintes passos:

1.1 – Clique no botão Avançar da aba Orientação;

1.2 – Na próxima janela selecione a opção que deseja executar e clique em Avançar;

1.3  – Na aba Etapa 1 informe o Servidor, Usuário e Senha e clique em Avançar;

1.4  – Na aba Etapa 2 informe o banco de dados e Aplicação, marque Nfe.

2 – Acesse o módulo Produtos e Serviços/Engenharia de Produtos e acerte o cadastro de CST de ICMS.

Os novos códigos de situação tributária (CST) devem ser cadastrados com base no CST iniciado por 0 (Nacional), ou seja, para cada CST iniciado por 0 deverá haver um CST correspondente iniciado por 3,5,8.

exemplo:

000 – TRIBUTADA INTEGRALMENTE – NACIONAL-> 300 – TRIB. INTEGR. NAC. CI > 40%  <= 70%
020 – COM REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO DO ICMS-> 320 – C/ RED. BASE ICMS CI > 40%  <= 70%
030 – ISENTA OU NÃO TRIB. E COM COBRANÇA P/ST.-> 330 – ISENTA C/ COB. P/ST. CI > 40%  <= 70%

3 – No módulo de Nota Fiscal Eletrônica

De acordo com o convênio 38/2013, não é mais necessário enviar no campo de observação do item, as informações de FCI, já que agora a NF-e possui campo próprio para isso.

Na manutenção de Nota Aberta NF-e >> aba Produtos e Serviços >> o campo “Número de controle da FCI – Ficha de Conteúdo de Importação” é alimentado no momento da geração da NF-e, de acordo com o conteúdo do campo adicional SY055 – Número da FCI do produto. Essa informação passa a ser enviada a SEFAZ.

4 – Arquivos necessários para execução dos processos acima:

Sym_object

xml de mensagens e segurança

baixar novos schemas PL_006s

pSymFCI_v1.0.5

pSymSPED_NFE01_Gen_v1.7.12

pSymSPED_NFE01_GeraNFe_v1.7.18

pSymSPED_NFe01_Painel_v1.5.29

Esta documentação foi útil para você?